O título é opconal, e sou indiferente

Queria ser psicólogo pra poder entender mais um pouco qual o tipo de distúrbio que as pessoas que tanto me afligem portam. Justin Kruger e David Dunning seus filhos da puta.

“ignorância, com mais freqüência do que o conhecimento, gera confiança”.

Isso é a explicação da vida, aí na sua frente, senhor rejeitado. De qualquer jeito, as hipóteses seriam que 

  • Indivíduos incompetentes tendem a superestimar seu próprio nível de habilidade,
  • Indivíduos incompetentes não reconhecem habilidade genuína em outros,
  • Indivíduos incompetentes não reconhecem o grau extremo de sua inadequação.

Ainda assim existe outro tipo de falsa (ou não) superioridade, aquele que ostenta ser melhor, ora negando sua superioridade. Tipo aquela menina bonita que lê harry potter e com certeza é muito diferente da menina da sala ao lado, que também lê harry potter.

Sigh.

Temos em diante, na lista de seres humanos desprezíveis, os masoquistas. 

O que vocês esta fazendo cara? O que quer provar? 

Essa carteira ela não cabe no seu bolso.

Essa bola não entra na caçapa.

Essa piroca gorda e veiuda não entra nessa buceta rosada apertadinha. (enfase no corretor que reconhece piroca mas não buceta. Machismo na sua cara, abra os olhos.)

Acho a imagem bem auto-explicativa.

Continuando, temos o sujeito que se orgulha por ser pior. Sabe aquele seu primo que foi picado por uma abelha? Ah mas uma vez eu fui picado por DUAS ABELHAS.

Eu nem sei mais o que estou escrevendo. Hoje troquei a palavra “cavalo” por “bolo” enquanto tentava explicar a definição de “bucentauro” a meu padrasto. Foi uma experiência agradável.

Salve os amigos egoístas. Aqueles que procuramos (ênfase no procuramos, não nos procuram) quando estamos mal, e sempre parecem mudar o assunto a seu favor. Parabéns galera, continuem assim.

Esses dias sonhei com a Cléo Pires pela 3ª vez seguida, acuda.

Isso levanta outras dúvidas, perante o gosto musical das pessoas. Conheço pelo menos umas 3 pessoas com cada tipo de jeitinho especial de ser citada anteriormente, e todos tem gostos musicais estranhamente parecidos. Com certeza se dariam bem em uma mesa de bar.

Furo do dia: O mundo conspira a favor dos cuzões. 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s